terça-feira, 22 junho 2021
InícioSegurançaEx-candidato a vice-prefeito de Luiz Alves é encontrado morto com golpes de...

Ex-candidato a vice-prefeito de Luiz Alves é encontrado morto com golpes de faca

A vítima tinha 51 anos e não chegou para trabalhar na manhã desta segunda-feira (31/05), quando familiares e colegas de trabalho foram até sua casa.

Na tarde desta segunda-feira (31/05/21), um homem de 51 anos foi encontrado morto na casa onde morava sozinho, no bairro Braço Elza, em Luiz Alves (SC).  A vítima é Cristóvão Muller, ex-candidato a vice-prefeito de Luiz Alves em 2008 pelo PSDB.

O corpo tinha pelo menos seis golpes de faca e a suspeita é que ele tenha sido morto no domingo (30). Cristóvão trabalhava em uma fábrica de tubos que pertence a parentes e na manhã de hoje (31) não apareceu para trabalhar.

Preocupados, os familiares e amigos do trabalho foram até sua casa, chamaram por ele, mas como não retornava, decidiram arrombar a porta. Foi quando se depararam com a vítima sem sinais vitais. A Polícia Civil  e  o Instituto Geral de Perícias foram acionados para levantar informações no local do crime.

Foi instaurado um inquérito policial para investigar o homicídio. Os familiares e pessoas próximas da vítima devem ser ouvidos pelo delegado Arlindo Artener Júnior nos próximos dias para descobrir pistas que possam levar a possíveis suspeitos e a motivação do crime.

O velório de Cristóvão Muller inicia a partir das 2h desta terça-feira (1/06) no Salão da Capela Cristo Rei, localizada no mesmo bairro que morava. Ele será sepultado no Cemitério Municipal após uma celebração agendada para às 10h.

O prefeito da cidade, Marcos Pedro Veber, também lamentou a morte. “Com profunda tristeza e pesar, me solidarizo com a família de Cristóvão Muller, vítima de um crime brutal. Uma pessoa do bem e amigo de muitos Luizalvenses. Me entristece saber que um crime dessa natureza, tenha ocorrido em nosso Município. Ao Cristóvão, minha eterna gratidão. Que Deus acalente amigos e família nesse momento de dor”.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS