sexta-feira, 30 julho 2021
InícioGeralEquipe do Sesi Senai Blumenau garante 2º lugar em torneio nacional de...

Equipe do Sesi Senai Blumenau garante 2º lugar em torneio nacional de robótica

O resultado da vitória no atributo "core values" foi divulgado neste sábado (26/06). Estudantes concorreram com outras 71 equipes de todo o Brasil.

A equipe Techmaker, do Sesi Senai de Blumenau, ficou com o segundo lugar na categoria FLL (First Lego League Challenge) no atributo core values, no Festival Sesi de Robótica, maior torneio de robótica do país, realizado anualmente pelo Serviço Social da Indústria (SESI). Os vencedores das três modalidades – FIRST LEGO League Challenge (FLL), FIRST Tech Challenge (FTC) e F1 in Schools foram anunciados neste sábado (26/06/21) em uma transmissão ao vivo pela internet.

O evento foi apresentado pela jornalista Glenda Kozlowski e teve a participação, por vídeo, de estudantes, técnicos, juízes, ex-competidores e convidados, como o influenciador Rato Borrachudo. Criador do maior canal de ciência do Brasil, o Manual do Mundo, Iberê Thenório ensinou como montar um pequeno robô usando materiais improvisados em casa.

A edição 2021 ocorreu de maneira remota, com a participação de 138 equipes e mais de 800 estudantes do ensino fundamental e médio de escolas SESI, públicas e privadas das cinco regiões do Brasil.

A equipe de Blumenau concorreu com outras 71 equipes de todo o Brasil na modalidade FFL. Os integrantes da equipe são: Rebeca Tavares, Pedro Henrique da Silva e Otávio Lourenço Marques, sob o comando do técnico Bolivar. Entre as missões que tiveram que enfrentar estavam core values, o desempenho do robô, projeto de inovação e design do robô. Os core values são valores humanos que descrevem um modo de atuar em conjunto e que valoriza o respeito mútuo e o trabalho de alta qualidade.

As equipes concorrentes foram de escolas SESI das cinco regiões do país, públicas e privadas, além das equipes de garagem e de ONGs. Elas foram formadas por 442 jovens, sendo 214 meninos e 228 meninas. Pela primeira vez na história, a categoria tinha mais meninas do que meninos entre os participantes.

Sobre a modalidade FLL – First lego league

As equipes, formadas por dois a dez participantes, elaboram um projeto buscando soluções para problemas do dia a dia da sociedade moderna. O tema desta temporada foi “RePLAY – esportes e brincadeiras que movimentam o corpo e evitam o sedentarismo”.

Além do projeto de inovação, os competidores precisaram construir um robô de LEGO, programado para realizar uma série de missões. Para se qualificarem para o torneio nacional, as equipes passaram pelas competições regionais, que, neste ano, ocorreram entre abril e maio, reunindo 2.582 estudantes.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS