quarta-feira, 27 outubro 2021
InícioBairrosCentroEntenda como será na prática a mudança com o binário da Alameda

Entenda como será na prática a mudança com o binário da Alameda

Fotos: João Paulo Taumaturgo 

Muitas pessoas que irão passar pela área central vão notar as grandes mudanças no trânsito. Elas já começaram nesta manhã de domingo (31/01/16), com a implantação do Binário da Alameda Rio Branco com a Rua Nereu Ramos. O João Paulo Taumaturgo passou por lá para conferir e registrou algumas imagens que irão ajudar a entender melhor.

A Alameda passa a ser mão única desde a Rua Pastor Stutzer até a Rua XV de Novembro. A mudança vai possibilitar que a via funcione com três faixas para fluxo de veículos, amenizando os congestionamentos em horário de pico.

Com o binário, os motoristas que trafegam pela Alameda Rio Branco e desejam acessar a Avenida Beira Rio, devem virar à esquerda na Rua XV de Novembro e contornar a Praça Doutor Blumenau, acessando a Rua Nereu Ramos. Não será mais permitido virar a direita.

 

Binario-Alameda_31-01-16_06

Binario-Alameda_31-01-16_12

Binario-Alameda_31-01-16_01

Binario-Alameda_31-01-16_14

Binario-Alameda_31-01-16_15

Binario-Alameda_31-01-16_16

 

Falando da Rua Nereu Ramos ela terá sentido invertido, com tráfego Centro/Bairro. Durante essa primeira semana de mudança, a Guarda Municipal de Trânsito estará no local para orientar os motoristas.

 

Binario-Alameda_31-01-16_07

Binario-Alameda_31-01-16_08
Guardas estarão ajudando a orientar os motoristas

Binario-Alameda_31-01-16_03

Binario-Alameda_31-01-16_02

 

Quem vem da Rua das Palmeiras e da Rua Itajaí em direção ao Centro terá três faixas: a da esquerda é para a Rua XV de Novembro, a do meio para a Rua XV de Novembro e Avenida Beira Rio e a da direita é destinada exclusivamente para o transporte coletivo urbano.

Binario-Alameda_31-01-16_10
Rua XV de Novembro, na frente da Fundação Cultural De Blumenau e Praça do Biergarten

Binario-Alameda_31-01-16_09

Binario-Alameda_31-01-16_13

 

Confira aqui todas as alterações.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS