quarta-feira, 20 outubro 2021
InícioEsporteEm tarde dos goleiros, Metrô e Tubarão ficam no zero

Em tarde dos goleiros, Metrô e Tubarão ficam no zero

 

Texto e foto de Edemir Júnior

Metropolitano e Tubarão fizeram um jogo movimentado na tarde deste domingo (29/01/17), e graças aos goleiros nenhum time saiu perdedor. O time do sul do estado chegou com perigo logo aos seis minutos, com o colombiano Rentería. Em uma cobrança de escanteio, o atacante chegou livre e tocou de chaleira, para grande defesa do goleirão Vilar.

Aos 32, veio o ápice do jogo. Após trocas de passes na lateral direita, Maranhão cabeceou a bola, que bateu na mão do jogador do Tubarão obrigando Heber Roberto Lopes a apontar para a marca da cal. Thiago Cristian foi para a cobrança e chutou no canto direito de Jandrei, forçando o goleiro do Tubarão a fazer uma grande defesa.

Já no segundo tempo, o Tubarão não chegou com grandes perigos. Outrora, o metrô também pouco fez na segunda etapa. A grande chance do segundo tempo, veio com Charles. Após finalização do atacante Sabiá, onde Jandrei fez bela defesa, a bola sobrou no pé de Charles, mas o camisa 11 chutou na trave. E ficou nisso: Metropolitano 0 x 0 Tubarão.

O Público? 1539 pagantes, para uma renda de cerca de R$ 32 mil. Contando com os sócios e cortesias, o público total teve 1617 pessoas. Na próxima rodada o Metrô enfrenta o Avaí, na capital. Já o Tubarão, recebe a Chapecoense no sul do estado.

METROPLITANO

Vilar; Maranhão, Maurício, Elton e Juninho; Carrasco, Elber, Valkenedy (Paulo Victor) e Thiago Cristian (Mazinho); Sabiá (Jean Moser) e Charles. Técnico: Cesar Paulista.

TUBARÃO

Jandrei; Alex Santos, Gustavo Bastos, Aldo e Artur Henrique; Matheus Barbosa, Ricardo Conceição (Guilherme Amorim), Calyson e Daniel Costa (Paulinho); Rentería e Everton Júnior (Valdo Bacabal). Técnico: Marcelo Mabília.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS