segunda-feira, 20 setembro 2021
InícioEconomiaDrink chamado de Brasileirinho é vencedor do Concurso de Coquetelaria Vodka Kalvelage

Drink chamado de Brasileirinho é vencedor do Concurso de Coquetelaria Vodka Kalvelage

Kalvelage_Airton-Ferreira_Mauricio

A competição ocorreu na noite de quarta-feira (16) na SC Gourmet, em Blumenau (SC)

Uma homenagem ao Brasil rendeu ao bartender de Florianópolis (SC) Airton Ferreira o prêmio de melhor drink do Concurso de Coquetelaria Vodka Kalvelage. A avaliação e premiação aconteceram na noite de ontem (16), primeiro dia de SC Gourmet – Feira de Delikatessen, Produtos Premium e Gastronomia, em Blumenau (SC). A competição foi organizada pela Associação Catarinense de Bartenders (ABC).

Kalvelage_drink-brasileirinhoA bebida, servida nas cores verde e amarela, mistura manjericão, manga, gengibre e a vodka produzida em Santa Catarina. Rafael Evandro Coelho e Osvaldo Maricar ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente.

Para um dos fundadores da Vodka Kalvelage, Maurício Kalvelage, o saldo do evento foi extremamente positivo não só pelo sabor dos coqueteis criados com o produto mas também pela disseminação da possibilidade de criar receitas. “Assim como os bares e restaurantes, as pessoas também podem descobrir um novo universo quando começam a se arriscar na combinação de ingredientes. Para isso, claro, é importante que elas escolham bons produtos para compor os seus drinks e queremos nos colocar como uma opção”, comenta o executivo.

Sobre a Kalvelage

É uma bebida premium produzida com cereais. A fábrica está localizada em Botuverá (SC) e a empresa mantém o escritório em Blumenau (SC). Com um semestre de produção e vendas, a vodka já pode ser encontrada em vários pontos de venda de Santa Catarina, Bahia, Espírito Santo e Rio Grande do Norte.

A Vodka Kalvelage foi a única brasileira a receber medalha no San Francisco World Spirits Competition 2014, uma das competições internacionais mais importantes do mundo dos destilados.

Texto: Andressa da Silva Peixer

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS