domingo, 5 dezembro 2021
InícioEntrevistaDiretor da defesa civil de Blumenau fala sobre a chuva e os...

Diretor da defesa civil de Blumenau fala sobre a chuva e os deslizamentos

Defesa Civil 27-5-15 (4)

Fotos: Claus Jensen

Na tarde desta quarta-feira (27), por volta das 16h, entrevistamos o diretor da defesa civil, Adriano da Cunha, sobre as chuvas em Blumenau. Depois da entrevista, foi registrado mais um deslizamento, não incluso nesta entrevista. A sala da defesa civil, localizada no último andar da prefeitura, dá uma bela visão da ponte de Ferro, onde também se encontra a régua que mede o nível do rio.

Adriano da Cunha, Diretor da Defesa Civil de Blumenau
Adriano da Cunha, Diretor da Defesa Civil de Blumenau

OBlumenauense: Essa chuva preocupa a defesa civil?

Adriano da Cunha: Ela é um pouco diferente do que Blumenau está acostumada, em que geralmente é mais intensa e acaba fazendo com que a evolução do rio seja muito rápida. Essa chuva nos preocupa por causa dos deslizamentos. Durante os 27 dias de Maio, em 23 deles choveu pelo menos em algum período do dia. Nestas últimas três semanas, foi direto, principalmente de domingo até agora. A média de Maio é em torno de 104 mm de chuva, e só nesta semana foram 98mm.

OBlumenauense: O volume de chuva previsto para Blumenau tem um risco mínimo de enchente?

Adriano da Cunha: Ele será ser bem menor do que o previsto para o litoral sul e oeste onde choveu muito. No litoral norte ainda pode chover forte. A previsão de chuva para Blumenau para esta quarta-feira (27) é em média 30mm e amanhã 10mm. Na sexta-feira (29) ainda terá um pouco de instabilidade, mas o tempo já começa a limpar. No final de semana, o tempo será seco. Portanto, não há risco de enchente.

OBlumenauense: Quantos deslizamentos já foram registrados até agora?

Adriano da Cunha: Foram quatro, dois nos bairros da Velha e Garcia. Nesta madrugada aconteceu um deles na Rua Eldorado, transversal da Rua Belo Horizonte, onde foi o anterior no bairro Garcia. Os outros dois ocorreram no Morro da Figueira e Rua Belo Monte, no bairro Velha. Dois foram sobre via pública e nos outros teve uma movimentação nos fundos de um terreno, mas não chegou a atingir as residências.

OBlumenauense: Esses deslizamentos acontecem dentro do mapeamento geológico feito pela defesa civil?

Adriano da Cunha: Desde 2008 a Prefeitura fez um mapeamento de áreas restritas, com restrição e vermelhas. Normalmente as ocorrências tem acontecido dentro destas áreas mais críticas que nós já temos mapeadas. E nas raras vezes em que acontece fora, em 90% dos casos é por intervenção humana. Por exemplo, o corte de um talude mal feito ou falta de drenagem no terreno que deveria ter sido feita.

OBlumenauense: Quais as regiões mais propícias a deslizamentos em Blumenau?

Adriano da Cunha: São os bairros Garcia e Velha. Nestes locais os deslizamentos acontecem em função da característica geográfica, mas também por causa da ocupação humana. No Garcia por exemplo, existem regiões que são pequenos vales, como é o caso da Rua Belo Horizonte.

 

Sala da defesa Civil na Prefeitura de Blumenau

Defesa Civil 27-5-15 (2)

Defesa Civil 27-5-15 (3)

Claus Jensenhttp://www.oblumenauense.com.br
Trabalhei com publicidade há mais de 30 anos, fiz teatro durante 8, apresentei programa de televisão outros 5 e sou blogueiro desde 2007. Mas minha maior paixão é a família, e claro, essa fascinante Blumenau.

MAIS LIDAS