quinta-feira, 28 outubro 2021
InícioGeralDIC de Blumenau cumpre mais dois mandados de prisão na 3ª fase...

DIC de Blumenau cumpre mais dois mandados de prisão na 3ª fase da operação Taquaruçu

Nesta sexta-feira (3/02/17), a polícia civil através da Divisão de Repressão a Roubos da DIC de Blumenau, deflagrou a 3ª fase da operação Taquaruçu. Foram cumpridos mais dois mandados de prisão, expedidos nos autos da investigação que apurou vários crimes de roubos de carros de luxo na região do Vale do Itajaí. Ao todo foram indiciados nove suspeitos de integrarem uma associação criminosa armada que utilizava adolescentes para cometer os crime.

Por volta das 15h, foi preso na Rua Gibraltar, bairro da Velha, Gustavo Andrei Bachmann, de 19 anos. Segundo a polícia civil, ele foi responsável pelo roubo de um automóvel Toyota Corolla no dia 13 de outubro de 2016. Gustavo foi reconhecido pelas vítimas e também apontado pelo adolescente coautor do crime. Em depoimento, ele afirmou que a participação de Eduardo foi de fazer a “segunda”, ou seja, levar o adolescente até o local do crime e resgatá-lo em seguida, fugindo da ação policial.

 

 

A segunda prisão ocorreu em de São Miguel do Oeste (SC), e contou com o apoio da Divisão de Investigação Criminal daquela cidade. As investigações da DIC de Blumenau identificaram Ezidoro Antônio Funez, de 54 anos, como o principal receptador dos veículos roubados pela quadrilha. Ezidoro é dono de uma loja da autopeças Import Car e segundo a segundo a investigação, havia encomendado 20 caminhonetes. Desse total, pelo menos sete já teriam sido adquiridas, desmanchadas e depois as peças revendidas no seu estabelecimento. Ele já havia sido preso em julho de 2011 também por receptação qualificada e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

 

 

Na última quarta-feira (1/2/17), após a 2ª fase da Operação Taquaruçu, os investigadores localizaram as residências de Eduardo Coimbra, preso um dia antes e de seu irmão Edevaldo, único foragido até o momento. Na quitinete de Eduardo foi apreendido um torrão de maconha com cerca de 700g, duas centrais eletrônicas (módulos) e ferramentas utilizadas nos furtos de veículos. Já na casa de Edevaldo, localizada no município de Porto Belo foram apreendidas mais uma central eletrônica e as mesmas ferramentas encontradas na residência de Eduardo, o que confirmava a participação dos dois nos crimes.

O delegado Egídio Ferrari é o responsável pela Divisão de Repressão a Roubos da DIC de Blumenau, e contou com o trabalho dedicado dos policiais civis que prestaram apoio durante as investigações, principalmente da DPCO de Porto Belo e a DIC de São Miguel do Oeste. Após o interrogatório, os presos foram encaminhados aos presídios locais.

Dados: Divisão de Investigação Criminal

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS