domingo, 24 outubro 2021
InícioSaúdeCoronavírusDepois de 100 dias na UTI COVID, Fabrício Wolf é transferido para...

Depois de 100 dias na UTI COVID, Fabrício Wolf é transferido para a enfermaria

Leia a mensagem que ele deixou para todos que torceram por esse momento.

Uma ótima notícia para quem torcia pela recuperação do jornalista Fabrício Wolf depois de ser diagnosticado com Covid-19. Nesta segunda-feira (20/09/21), depois de 100 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ele finalmente foi transferido para um quarto de enfermaria.

A boa nova foi comemorada por todos os amigos e familiares. Ele chegou a ficar com cerca de 95% dos pulmões comprometido, passando a maior parte do tempo sedado e com respirador. Mas nas últimas duas semanas, seu quadro clínico começou a evoluir aos poucos e a ventilação mecânica foi deixada, além das medicações fortes.

Emocionado e com um dedo sobre o furo feito na traqueia (traqueostomia), ele falou em um vídeo, visivelmente emocionado pela grande vitória.

“Alô pessoal, completando mais de 100 dias de UTI, acabamos de chegar no quarto. Mais uma vitória. Conseguimos passar por mais esse momento e a partir de agora estamos no quarto com os penduricalhos aqui de sondas e soros, segurando a traqueia, porque se não o ar sai por tudo que lado. O que importa é que estou melhorando.

Tenho um agradecimento muito especial a todos que torceram por mim, de coração, [começa a se emocionar]. Eu nem sei o que eu passei. Meus filhos me contaram o que eu passei nestes 100 dias. Eu sei que a torcida foi muito grande para que a gente pudesse se recuperar e viver mais alguns anos na companhia de vocês. Muito obrigado pelo carinho, pela torcida, pelas orações e por fazerem parte de nossa vida”, finalizou o criador do Skol Rock e tantos outros eventos que marcaram a história de Blumenau.

No sábado (18), o jornalista de 56 anos ditou um texto que foi publicado em suas redes sociais. Ele foi ditado para o filho:

Olá, pessoal!

Comunico aos amigos uma das piores experiências da minha vida: contágio pela Covid 19. Estou hospitalizado há mais de 100 dias, e, agora, ainda na UTI, consigo compreender melhor pelo que estou passando. De sedação em sedação, vi meu pulmão ficar comprometido entre 90% a 95%. Com as inúmeras cirurgias, meu tronco está parecido com o mapa-mundi, de tão “desenhado” que está.

Está sendo uma luta que ainda não foi vencida. Porém, foram tantas as manifestações de apoio, bons fluídos e espiritualidade, que chegou a nos comover: Márcia, eu, os meninos e demais familiares. Amo vocês para sempre! Nosso agradecimento a todos, indistintamente, por estarem aqui na torcida!
Pelo jeito, estava cedo para eu sair de cena…

(Ditado por Fabrício e escrito por Thierry Hinsching Wolff)

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS