quinta-feira, 9 dezembro 2021
InícioGeralDefesa Civil contabiliza um total de 187 ocorrências, 47 somente no bairro...

Defesa Civil contabiliza um total de 187 ocorrências, 47 somente no bairro Itoupavazinha

Rua Cristiano Karsten, bairro Testo Salto, desobstruída neste domingo (1/04) | Foto: Defesa Civil de Blumenau

 

Na manhã desta segunda-feira (2/04/18) o Secretário da Defesa do Cidadão, Rodrigo Quadros, contabilizou o total de ocorrências em Blumenau, causados pelo temporal da tarde de sábado (31/3) No total, a Defesa Civil registrou 187 ocorrências, das quais 134 foram deslizamentos e 51 alagamentos.

 

Rua Nossa Senhora das Graças, bairro Ponta Aguda | Foto: GMT

 

Entre as outras duas ocorrências, uma foi a queda de uma árvore sobre um poste na Rua Nossa Senhora das Graças no bairro Ponta Aguda, e o vazamento de óleo em posto de gasolina, localizado na Rua Bahia, nas imediações da Ponte Salto. Um casal morreu afogado, depois que o automóvel Renault Sandero em que estavam, acabou sendo levado pelo alagamento de um ribeirão no início da Rua Osmar José dos Santos (Itoupavazinha).

 

Foto: Karolina Bonin

 

O bairro Itoupavazinha foi o que mais concentrou ocorrências, com um total de 47. Os outros mais atingidos foram Itoupava Norte (23), Testo Salto (22), Fortaleza (13), Salto do Norte (13) e Itoupava Central (11).

Segundo a Celesc, por volta das 17h40min de sábado, 25,8 mil unidades consumidoras ficaram sem energia elétrica. No final da noite, às 23h30min, a maioria já tinha sido religada, mas ainda havia 2,8 mil imóveis sem luz. Às 6h da manhã de domingo (1/04), apenas 800 deles foram normalizadas, quando chegaram reforços de outras regionais.

No início da tarde, às 14h, a Celesc estava com o sistema quase todo normalizado na cidade, exceto na Rua Luiz Maske (Itoupavazinha), onde as equipes não tinham acesso e 47 unidades permaneciam sem energia. Segundo a concessionária, nesta segunda-feira (2) uma equipe estará percorrendo essa rua a pé, para verificar a possibilidade de restabelecer a energia no local.

 

Rua Luiz Maske, bairro Itoupavazinha | Foto: Daiane Rangel

 

Essa é a única rua que continua inacessível, segundo o Secretário de Conservação e Manutenção Urbana, Marcelo Schrubbe. Ele disse que estima em 60, as ruas com problemas no calçamento, em que a em pior estado é a Rua Uruguaiana, no bairro Ponta Aguda, totalmente danificada. O trabalho básico de recuperação deve ser feito até quinta-feira (5).

“Hoje estamos recolhendo as barreiras das ruas que foram liberadas. Não tenho todos os números em mãos, mas foram em torno de seis ruas (com barreiras), todas transversais da Jacob Ineichen, Botuverá, Fritz Koegler (onde abriu um buraco). Na Rua Luiz Maske, será necessária uma avaliação geológica, para ter certeza que arrumando a parte de baixo, não caia mais nada na via. Com retroescavadeira, acredito que no máximo em 3 dias possamos liberá-la”, comenta Schrubbe. Para essa avaliação, usarão até um drone.

No temporal de janeiro, cerca de 85 mil m² de ruas foram prejudicadas com o temporal. Neste final de semana, 30 mil m² foram novamente prejudicados.

Total de ocorrências: 187
Deslizamentos: 134
Alagamentos:51

Os bairros mais atingidos:
Itoupavazinha: 47
Itoupava Norte: 23
Testo Salto: 22
Fortaleza: 13
Salto do Norte: 13
Itoupava Central: 11

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS