quinta-feira, 28 outubro 2021
InícioSaúdeCoronavírusCovid-19: Prefeito de Chapecó vai a Brasília pedir 100 mil vacinas e...

Covid-19: Prefeito de Chapecó vai a Brasília pedir 100 mil vacinas e mais leitos de UTI

Cidade vive novo lockdown por conta do aumento de casos vividos na região.

O prefeito de Chapecó, João Rodrigues, esteve reunido com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, solicitando auxílio do Governo Federal para o município no combate a pandemia da Covid-19. A reunião ocorreu nesta terça-feira (23/02/21) e contou com a presença do senador Jorginho Mello (PL). Durante a conversa com o ministro, Rodrigues pediu mais vacinas e novos leitos de UTI e enfermaria para a região Oeste de Santa Catarina.

Após a conversa com Pazuello, o prefeito de Chapecó anunciou em uma live que 100 mil pessoas serão testadas nos próximos meses. Além disso, o Governo Federal vai auxiliar na instalação de novos leitos de UTI e enfermaria e também na contratação de mais médicos. O ministro também garantiu maior agilidade na distribuição de vacinas para a região.

Durante a realização da live, o prefeito afirmou que volta para Chapecó com a esperança de amenizar o sofrimento vivido pela população e que pretende retomar a normalidade da cidade já na próxima semana.

Novas medidas restritivas

Na noite de ontem (22), a Prefeitura de Chapecó anunciou novas medidas de restrição visando combater a covid-19. O novo decreto passou a valer já para esta terça e anunciou toque de recolher das 22h às 5h em toda a cidade. Além disso, o comércio, academias, lotéricas, parques e praças foram fechadas. As medidas seguem vigentes até a meia-noite do próximo domingo, dia 28.

Chapecó, segundo dados divulgados pela prefeitura, tem 231 pessoas internadas, sendo 92 em UTI e 124 em enfermaria. Além disso, são 22.191 casos confirmados, 3.761 casos ativos e 210 óbitos registrados.

MAIS LIDAS