quarta-feira, 14 abril 2021
Início Saúde Coronavírus Covid-19: no prazo final, Blumenau decidiu entrar no consórcio nacional para compra...

Covid-19: no prazo final, Blumenau decidiu entrar no consórcio nacional para compra de vacinas

Os recursos já estão reservados no orçamento de 2021. Na quarta-feira (3) nove prefeituras de Santa Catarina já tinha aderido à proposta da Federação Nacional de Prefeitos (FNP).

Nesta sexta-feira (5/03/21) venceu o prazo para decidir se Blumenau participaria de um consórcio nacional para garantir a compra de vacinas contra a Covid-19. O protocolo de intenções faz parte da Federação Nacional de Prefeitos (FNP) que inclui a aquisição de medicamentos, equipamentos e insumos para o enfrentamento da pandemia.

A discussão sobre o assunto já começou em janeiro, desde que Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o uso emergencial dos primeiros imunizantes. Os recursos para compra de vacinas já estavam reservados no orçamento da prefeitura de Blumenau para 2021.

A compra sem intervenção do Ministério da Saúde, ou seja, direta pelos municípios com os fabricantes, só foi possível graças a autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) que permite o mesmo aos estados e Distrito Federal.

Mas a demora de Mário Hildebrandt em decidir teve uma razão. A prefeitura avaliava três propostas de compra conjunta, uma junto à Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (Ammvi), outra pela Federação Catarinense de Municípios (Fecam), e por fim a decisão para participar do Consórcio Nacional.

No entanto, na quarta-feira (3) nove prefeituras catarinenses já tinham confirmado sua adesão na Frente Nacional dos Prefeitos: Florianópolis, Porto União, Palma Sola, Ouro Verde, Palhoça, Tubarão, Criciúma, Irineópolis e Papanduva.

A aquisição das doses deve atender aos trâmites de compra do poder público. Mas é importante lembrar que vivemos em tempos de alta demanda e pouca oferta de vacina. Quem chega primeiro, garante a única forma comprovada cientificamente para combater a doença.

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS