quarta-feira, 14 abril 2021
Início Saúde Coronavírus Covid-19: Blumenau registrou 278 casos novos e duas mortes nesta quarta (3/03)

Covid-19: Blumenau registrou 278 casos novos e duas mortes nesta quarta (3/03)

A taxa de ocupação das UTIs continua alta e nesse momento está em 98,5%. Atualmente há 1.937 pessoas com a doença no município, 143 estão nos hospitais.

A Secretaria de Promoção da Saúde de Blumenau divulgou no início da noite desta quarta-feira (3/03/21) o boletim com os dados sobre o avanço da Covid-19. Nas últimas 24 horas foram realizados 1.136 testes e confirmados 278 casos novos.

Entre os casos novos, cinco têm de 0/9 anos, 20 de 10/19 anos, 71 de 20/29 anos, 54 de 30/39 anos, 50 de 40/49 anos, 58 de 50/59 anos, 18 de 60/69 anos, sete de 70/79 anos e cinco mais de 80 anos.

O número de pacientes recuperados neste período é de 327 e foram registradas três mortes. Ontem (2), foi confirmada a morte de um homem de 77 anos, que estava internado em UTI desde o dia 12 de fevereiro. A outra vitima foi uma mulher de 92 anos, que estava internada desde o dia 23 de fevereiro. As duas vítimas tinham comorbidades.

Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Blumenau já realizou 140.108 testes e confirmou 42.394 casos de Covid-19. Entre os pacientes infectados, 1937 estão em tratamento, dos quais 1.852 em isolamento domiciliar e 40.194 já se recuperaram do coronavírus.

Até hoje foram registrados 333 óbitos de moradores com a doença. Durante o dia foram aplicadas 477 doses da vacina contra a Covid-19, totalizando 19.728 imunizações desde a chegada do primeiro lote.

No momento, há 143 pacientes hospitalizados, entre casos confirmados e suspeitos. Nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) há 65 pacientes internados nos 66 leitos ativos disponíveis, 41 deles são de Blumenau e 24 de outras localidades. A taxa de ocupação está em 98,5%.

Nas enfermarias, há 78 pacientes, dos quais 66 são moradores de Blumenau, enquanto doze vem de outras cidades. Com isso, a taxa de ocupação neste leitos está em 44,1%.

Sintomas gripais

Um total de 346 pessoas procuraram os prontos socorros dos hospitais de Blumenau, dos quais 75 apresentaram sintomas gripais. Segundo a Secretaria de Promoção da Saúde, esses dados são relevantes porque podem virar casos de Covid-19.

Centrais de Atendimento para Covid-19

As estruturas de atendimento rápido para Covid-19 montadas em anexo aos sete ambulatórios gerais de Blumenau, foram procuradas por 824 pessoas e realizadas 517 coletas para testagem por RT-PCR e Antígeno.

Os atendimentos seguem das 7h às 19h e a orientação é para que pessoas com sintomas gripais como febre persistente, mal-estar, coriza, tosse e congestão nasal busquem o local. Quem tiver esses sintomas aliados à dificuldade de respirar, deve procurar atendimento em um pronto-socorro. Já para os casos com sintomas leves, como coriza e febre baixa, a recomendação é permanecer em casa, evitando deslocamentos e contatos desnecessários.

Sistemas eletrônicos de atendimento

O sistema Alô Saúde Blumenau é indicado para pessoas que buscaram orientações sobre sintomas da Covid-19 através do telefone 156 (opção 2).

Os atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h e contam com a parceria dos formandos do curso de medicina da Furb e suporte de profissionais médicos do Município.

Já no Chat Alô (Pronto Mobile ou WhatsApp 48 4042-0330) realiza atendimentos virtuais que contam com suporte da tecnologia Inteligência Artificial (robô digital) que faz uma triagem de quem tenha sintomas do Coronavírus. Dependendo dos sintomas, um médico realiza a consulta pelo sistema.

Esses casos suspeitos são encaminhados para a consulta por meio da telemedicina (lei federal 13.989/2020), que pode ocorrer por chamada de vídeo, chat ou chamada de áudio. Os serviços de orientação por robô funcionam 24 horas por dia, enquanto as consultas no mesmo horário do Alô Saúde.

Confira a live que começou às 19h, com a participação do jornalista Felipe Rodrigues, e do Secretário de Promoção da Saúde, Winnetou Krambeck.

 

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS