domingo, 1 agosto 2021
InícioSaúdeCoronavírusCovid-19: Blumenau confirmou 118 casos novos e a morte de uma mulher...

Covid-19: Blumenau confirmou 118 casos novos e a morte de uma mulher de 66 anos

Os dados são referentes a esta terça-feira (20/07), quando a taxa de ocupação nos leitos da UTI COVID estava em 78,8%.

No final desta tarde desta terça-feira (20/07/21), a prefeitura de Blumenau atualizou o boletim do coronavírus no município. Segundo a Secretaria de Promoção de Saúde, hoje foram registrados 118 casos novos nos 844 testes realizados. A redução também foi representada pela taxa de infectados por testes que ficou em 14,3%.

Infelizmente foi confirmada a morte de uma moradora de 66 anos, com comorbidades, internada desde o dia 18 de maio. Ela se soma ao total de 580 mortes por complicações causadas pelo SARS-COV-2 na cidade.

Nos hospitais da cidade, 409 pessoas foram atendidas nos prontos-socorros, sendo que 100 delas apresentavam síndromes gripais. Nos Fast Tracks instalados nos Ambulatórios Gerais, incluindo o Hospital Universitário da Furb e a Central de Referência para Casos Suspeitos de Coronavírus no Setor 3 do Parque Vila Germânica; foram realizadas 604 consultas e coletadas 333 amostras para exames RT-PCR e de antígeno.

Durante todo o dia, foram aplicadas 25 vacinas da primeira dose (156.746) e 61 da segunda (60.687). No total, o município já aplicou 217.347 vacinas e aguarda a chegada de uma nova remessa do Governo de Santa Catarina. A cobertura vacinal já chegou a 60% em Blumenau, levando em conta uma população de 361.855 habitantes (IBGE 2020), incluindo os profissionais dos grupos prioritários, muitos apenas trabalham na cidade e não moram.

Desde o início da pandemia, 59.403 pessoas se recuperaram da doença, representando 97,36% dos 61.013 infectados. Neste período, a prefeitura realizou 221.613 testes para identificar a presença do coronavírus no organismo.

Atualmente há 1.030 moradores infectados, dos quais 943 receberam a orientação de ficarem em isolamento domiciliar.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS