quarta-feira, 20 outubro 2021
InícioEsporteChapecoense tenta reescrever sua história na Copa Sul-Americana

Chapecoense tenta reescrever sua história na Copa Sul-Americana

cleberson-silva_02-11-16
Imagem do treino de ontem – Foto: Cleberson Silva

 

Por Julio Pollhein

A Chapecoense é o Brasil na semifinal (jogo de ida) da Copa Sul-Americana, nessa quarta-feira (02), às 21h45 contra o San Lorenzo (ARG). A exemplo da boa campanha de 2015, o time catarinense tenta superar novamente outro adversário argentino para continuar vivo na competição, após vitória sobre o Junior Barranquilla (COL).

A delegação desembarcou ontem por volta das 18h (horário de Brasília) em Buenos Aires. Uma hora depois, os jogadores já estavam realizando trabalhos técnicos, táticos e de posse de bola, além de finalizações a gol no local do jogo – estádio Pedro Bidegain, popular Nuevo Gasómetro.

Apesar do técnico Caio Júnior ter a disposição 18 jogadores no elenco, ainda não definiu o time titular que vai entrar em campo para partida de logo à noite.

Ao final dos dois confrontos veio o respeito

No ano passado quando a equipe chegou na capital argentina para enfrentar o poderoso River Plate pelas quartas de final da Copa Sul-Americana, o time foi ironizado pela imprensa local e torcida adversária. Os argentinos diziam na época que a Chape era um time sem expressão e desconhecido no cenário futebolístico, por isso não representava perigo.

Mesmo a Chape vencendo a equipe argentina no segundo jogo em casa por 2 x1, com uma bola na trave no final, não conseguiu seguir em frente, já que na primeira partida sofreu derrota de 3 a 1 jogando no Monumental de Núnez.

MAIS LIDAS