sábado, 4 dezembro 2021
InícioEventosCathedral, Verace e Colorado foram as cervejarias do ano no Concurso Brasileiro...

Cathedral, Verace e Colorado foram as cervejarias do ano no Concurso Brasileiro de Cervejas

 

 

 

A noite desta terça-feira (10/03/20) foi de conhecer os vencedores do Concurso Brasileiro de Cervejas 2020. O evento aconteceu no Setor Eisenbahn Biergarten do Parque Vila Germânica.  O mestre de cerimônias foi o ex-apresentador de TV Joelson dos Santos.

Nesta edição, a premiação foi transmitida ao vivo pelas redes sociais. Das 203 medalhas entregues, 53 foram de ouro, 72 de prata e 78 de bronze. Cento e vinte e seis marcas subiram ao palco para receber seus prêmios.

 

 

A cerimônia contou com a presença do prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt; do presidente da ABLUTEC, Develon da Rocha; e do Secretário de Turismo e Lazer / Presidente do Parque Vila Germânica, Marcelo Greuel.

 

Cervejaria Cathedral, escolhida a melhor cervejaria do concurso de 2020.

 

A campeã da noite foi uma cervejaria paranaense. Com sete medalhas, a Cathedral, de Maringá (PR) foi escolhida a Melhor Cervejaria pelo terceiro ano consecutivo. No ano passado foi na categoria médio porte.

A segunda colocação, com cinco medalhas (quatro de ouro), ficou com a Cervejaria Colorado de Ribeirão Preto (SP). Em terceiro, ficou a Verace, de Nova Lima (MG) que obteve seis medalhas.

 

A Cervejaria Colorado ficou em segundo lugar, mas abocanhou o prêmio Best of Show

 

A Colorado também teve o rótulo Guanabara escolhido como Best of Show, ou seja, a destaque na avaliação dos jurados. Com uma trajetória invejável, esse é o 22º prêmio que a cerveja leva, incluindo concursos em outros países. Ela é uma imperial stout com rapadura queimada, 10,5% de teor alcoólico e envelhecida em barril de amburana.

Outra que se destacou na Best of Show foi a Muscatt Brett Saison (specialty saison) da cervejaria gaúcha Alem Bier. Na sequência, o rótulo Habanero Rauchbier (chili pepper beer), da Bamberg, de São Paulo, que ficaram em segundo e terceiro.

Este ano teve uma premiação para uma categoria nova: as brewpubs. O termo em inglês designa o estabelecimento que produz cerveja destinada para o consumo no mesmo local da produção. Em primeiro lugar ficou a Salvador Brewing Co., de Caxias do Sul (RS), seguida pela blumenauense Balbúrdia Cervejeira, fechando com a Irmandade Cerveja Artesanal, de Guarapuava (PR), na terceira posição.

Entre as cervejarias blumenauenses, duas delas se destacaram. A Cervejaria Blumenau ganhou bronze em três categorias: Ipê Amarelo, na Contemporary American-Style Pilsener, a Macuca Imperial Stout, na British-Style Imperial Stout, e a Macuca Vanilla Secchi, na Specialty Beer.

Já a Cervejaria Antídoto levou ouro com o rótulo “Donas da P@#$% TODA”, e mais um bronze com “Piña Colada Catharina Sour”, ambos na categoria Catharina Sour.

De 7 a 9 de março, mais de 100 jurados nacionais e internacionais julgaram 3.284 amostras de cerveja. Esta foi a oitava edição da competição e a que teve o maior número de cervejarias inscritas: 634. O número é 25% maior do que em 2019.

Foram inscritas amostras em 146 estilos. Desses, a India Pale Ale (IPA) foi o mais disputado com 235 rótulos concorrentes. Em seguida, veio o primeiro estilo brasileiro, Catharina Sour, com 157 amostras.

 

 

Confira como foi a transmissão ao vivo:

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS