segunda-feira, 25 outubro 2021
InícioGeralBrasil tem 9 casos suspeitos de coronavírus, dois em Santa Catarina

Brasil tem 9 casos suspeitos de coronavírus, dois em Santa Catarina

 

 

 

 

O Ministério da Saúde (MS) informou, nesta quarta-feira (29/01/20), que existem nove casos considerados suspeitos de coronavírus no Brasil. São três casos em São Paulo, dois em Santa Catarina, e um nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Ceará.

Segundo a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive-SC), trata-se de um casal que mora em São José, na Grande Florianópolis, que depois foi diagnosticado como Influenza. Ambos foram descartados de coronavírus, o mesmo aconteceu em Curitiba (PR).

Até o momento, o ministério foi notificado de 33 suspeitas de casos. Após testes e verificações, 24 pacientes foram descartados para coronavírus.

Um caso é tratado como suspeito se a pessoa esteve na China nos últimos 14 dias e apresentou tosse e febre ao retornar. Neste caso, o paciente é colocado em isolamento e são realizados testes para checar, primeiro, se o que essa pessoa tem é influenza ou outra gripe. Caso os exames não acusem essa possibilidade, é feito o teste para coronavírus.

No momento, apenas o primeiro caso suspeito, da estudante de Minas Gerais, está na etapa de teste para coronavírus. Segundo o Ministério da Saúde, é possível que o resultado do teste seja conhecido na próxima sexta-feira (31).

Atualmente, 6.065 casos de coronavírus foram confirmados em todo mundo, sendo 5.997 somente na China, onde 132 pessoas já morreram. Não houve ainda nenhuma morte em outros países.

Prevenção

A Dive-SC explica que a melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. As medidas são as mesmas contra o vírus da gripe:

  • lavar as mãos com água e sabão e frequência;
  • evitar tocar os olhos, o nariz e a boca com as mãos sujas;
  • evitar contato com pessoas doentes;
  • ficar em casa quando estiver doente;
  • cobrir a boca e o nariz ao tossir e espirrar, de preferência com um lenço de papel;
  • limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Com informações da Agência Brasil

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS