sábado, 27 novembro 2021
InícioGeralBombeiros de Santa Catarina são enviados para ajudar nas buscas em Brumadinho...

Bombeiros de Santa Catarina são enviados para ajudar nas buscas em Brumadinho (MG)

 

Uma barragem da mineradora Vale rompeu no início da tarde desta sexta-feira (25/01/19) fazendo com que outra transbordasse e um verdadeiro mar de lama destruísse casas, soterrasse pessoas e animais. O acidente aconteceu em Brumadinho (MG), área metropolitana de Belo Horizonte, na região do córrego do Feijão.

Os rejeitos atingiram parte da comunidade da Vila Ferteco, além da área administrativa da empresa. Até o momento foram contabilizados sete mortos e cerca de 150 desaparecidos. Em toda essa tragédia há uma boa notícia: 182 pessoas foram resgatadas com vida.

O governo já montou um gabinete de crise e três ministros foram ao local. Jair Bolsonaro deverá sobrevoar a área atingida na manhã deste sábado (26). O presidente da Vale, Fabio Schvartsman, disse em entrevista coletiva que a maioria dos atingidos são funcionários. No momento do acidente, havia cerca de 300 (entre próprios e terceirizados) no local e ele disse que ainda não sabia quantos estavam soterrados. Mais tarde, chegou a informação de que cem deles já tinham sido resgatados.

 

 

Bombeiros de Santa Catarina se mobilizaram para ajudar nas buscas. Três viaturas 4×4, três binômios (dupla entre cão de busca e tutor bombeiro militar) e dois drones com os pilotos, estavam a caminho de Porto União (SC), onde se encontrariam e seguiriam viagem ao local do desastre natural.

Santa Catarina possui 14 forças tarefas espalhadas pelo Estado, com homens e mulheres treinados para diversas situações de eventos críticos, como desastres naturais, tecnológicos e outros.

 

 

Os treinamentos específicos e a larga experiência, serão fundamentais nas operações que exigirem intervenções em áreas deslizadas, busca terrestre, comando e gerenciamento de crise, ajuda humanitária, resgates, salvamentos, busca e resgate em estruturas colapsadas, atendimentos pré-hospitalares e outras. O comando dos bombeiros no estado assegura que o emprego destas equipes não prejudica o atendimento em Santa Catarina, que segue normalizado.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS