Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Bombeiros de Indaial não dão mais conta de atender a quantidade de incêndios em vegetação

 

 

 

Incêndio florestal no Morro do Barão, em Indaial (SC), que ocorreu no dia 22 de maio de 2020.

 

Controlar a grande quantidade de incêndios em vegetação que tem como causa humana está ficando cada ficando cada vez mais difícil em Indaial (SC). Em um áudio dirigido à imprensa, o comandante dos bombeiros voluntários do município, Evando Vinotti, desabafou: “Nós não estamos mais dando conta de apagar todos os incêndios florestais que tem como causa principal a ação humana. Gente: não façam mais queimadas, o corpo de bombeiros já pediu várias vezes. Depois que você botou fogo e perdeu o controle, não adianta ligar desesperadamente, porque a corporação não está tendo estrutura para atender”.

Além do grande número de solicitações desse tipo de incêndio, a corporação precisa dar conta dos atendimentos cotidianos como acidentes e outras situações de emergência. Nos últimos sete dias foram atendidos pelo menos 11 incêndios desse tipo, sem contar o subterrâneo no Morro do Macaco, que não está sendo possível controlar sem a chuva. Vinotti termina o áudio pedindo: “Eu peço encarecidamente: não coloquem mais fogo!”.

Em Blumenau, o último provocado por causa humano na noite desta segunda-feira (25), em uma vegetação às margens da Rua Franz Volles, no bairro Itoupava Central. Segundo os bombeiros, o morador do terreno colocou fogo em um móvel velho, e em função da vegetação seca, as chamas se alastraram rapidamente e as labaredas chegaram a ter cerca de 10 metros de altura.

comentários

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top