Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Blumenau registra aumento de vítimas de violência doméstica durante a quarentena em Blumenau

 

 

 

 

Segundo dados da prefeitura de Blumenau, nas últimas semanas a Secretaria Municipal de Promoção da Saúde (Semus) registrou um aumento do número de casos de violência doméstica atendidos pelo Serviço de Atenção Integral às Pessoas em Situação de Violência Sexual (SAVS). Durante o período de quarentena por conta do Coronavírus, a procura pelo serviço aumentou de um para cerca de cinco casos por semana.

Segundo a Polícia Militar, o número de ocorrências entre os dias 1° e 18 de março, foram 45 ocorrências, uma média de 2,5. Já no período de quarentena (19 – 30/03), foram 33 ocorrências, média diária de 2,75. No primeiro trimestre desse ano foram registradas 244, muito mais do que as 171 de 2019.

Os casos têm sido identificados pelas unidades Estratégia Saúde da Família (ESF) e Ambulatórios Gerais (AGs) durante atendimentos de urgência e emergência que são realizados pelos profissionais de saúde, e as demandas foram encaminhadas ao SAVS. Os serviços que geralmente atendem casos de violência doméstica são os dois Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAS), ambos podem ser acionados e estão atendendo em regime de plantão pelo telefone (47) 3381-6603.

No SAVS, os pacientes que sofrem violência sexual recebem acompanhamento onde são realizados diversos exames. O acompanhamento de homens, mulheres, crianças e adolescentes violentados é realizado por uma equipe multiprofissional que inclui médicos, enfermeiras, psicólogas e assistente social.

 

Casos de Violência Sexual Infantil

Nesse período houve também a redução de casos de violência sexual infantil registrados contra crianças e adolescentes. A coordenadora do SAVS, Simone Rodrigues, avalia que o que pode estar ocorrendo é que diante do período de quarentena, a presença dos membros da família em casa esteja inibindo a ação daquelas pessoas que violentam crianças e adolescentes. Segundo ela, outro motivo pode ser a suspensão das atividades escolares, onde muitas vezes os educadores conseguem identificar alguns casos.

As unidades dos Conselhos Tutelares estão fechadas, mas os conselheiros estarão atendendo pelo telefone de plantão (47) 99977-9866 e denúncias podem ser feitas também pelo Disque 100 ou 180.

 

Serviço para pessoas em situação de violência sexual

Há 18 anos o Serviço de Atenção Integral às Pessoas em Situação de Violência Sexual (SAVS) é oferecido pela Semus em Blumenau. A equipe recebe tanto as urgências como os casos referenciados por outros serviços da Rede Intersetorial. O serviço para pessoas em situação de violência sexual está disponível no Centro de Saúde Rosânia Machado Pereira, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h e também pelo telefone 3381-7684 ou (47) 9.9628-2019. Em 2018, foram atendidas 200 pessoas e em 2019 o número aumentou para 250 atendimentos. Desse total, 218 possuíam menos de 18 anos.

 

Fonte: Prefeitura de Blumenau

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top