quinta-feira, 21 outubro 2021
InícioSaúdeBlumenau: Procedimento inédito traz alívio de dores em pacientes oncológicos

Blumenau: Procedimento inédito traz alívio de dores em pacientes oncológicos

Neurólise do Plexo Celíaco foi realizada pela primeira vez no Hospital Santa Isabel.

Texto e fotos: Gabriel Silva [HSI]

Nesta quarta-feira (4/02/21), foi realizado um procedimento inédito no Hospital Santa Isabel de Bumenau. A Neurólise do Plexo Celíaco consiste na injeção de álcool absoluto sobre determinada estrutura nervosa – região do plexo celíaco, causando dano irreversível às células. A injeção auxilia no tratamento de pacientes com dor crônica, geralmente relacionada a câncer de pâncreas avançado e a pancreatite crônica.

O procedimento foi realizado pela equipe de Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Hospital Santa Isabel, sob orientação do Dr. Guilherme Beduschi e Dr. Marcos Sandrini de Toni. “Pacientes com neoplasias avançadas convivem com a dor. Em alguns casos, apesar da utilização de medicações, o controle dos sintomas pode ser insuficiente. Neste momento, intervenções como a Neurólise do Plexo Celíaco podem gerar alívio dos sintomas e melhora na qualidade de vida do paciente”, explica o Dr. Guilherme Beduschi, médico Radiologista.

O procedimento é realizado sob sedação. Guiado por Tomografia Computadorizada com imagens de alta definição, o especialista insere uma agulha fina através da pele até alcançar a região do plexo celíaco. Com a injeção de álcool, o plexo nervoso responsável pela dor é desativado, aliviando os sintomas dolorosos. O procedimento dura cerca de uma hora. O álcool absoluto utilizado é preparado especificamente para o uso médico. “Quando o procedimento é bem sucedido, o paciente sente alívio na dor e segue, aliviado, o tratamento oncológico”, completa Dr. Marcos Sandrini de Toni, médico Radiologista.

A Neurólise do Plexo Celíaco é um procedimento que traz conforto ao paciente em tratamento oncológico, e é inaugurado no Hospital Santa Isabel às vésperas do Dia Mundial de Combate ao Câncer, 4 de fevereiro.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS