sexta-feira, 30 julho 2021
InícioColunaBlumenau e suas HistóriasBlumenau e suas Histórias: veja o que os lojistas anunciavam na época...

Blumenau e suas Histórias: veja o que os lojistas anunciavam na época de Natal na colônia

Confira esse resgate da historiadora Ana Maria Ludwig Moraes em sua coluna semanal.

 

Por Ana Maria Ludwig Moraes | Historiadora

Já desde os tempos da colônia que o Natal era motivo para intensa movimentação no comércio. As lojas se preparavam, faziam lista de encomendas e aumentavam seus estoques. Doces, bombons, suporte para pinheiros, roupas, calendários, livros…enfim, os preparativos já começavam cedo, em novembro ou mesmo outubro …

Mas as lojas o que disponibilizavam aos clientes? Hoje nos surpreendemos, acompanhando ano a ano as novidades que foram sendo introduzidas para o evento. Se começamos com galhos de quaisquer árvores, desde que se prestassem a receber enfeites, chegamos aos sofisticados suportes com pés patas-de-leão, das guloseimas feitas no forno de tijolos aos pralinés e marzipãs. É obvio que isto tudo não era para o público em geral, mas para alguns poucos.

E isto é que nos deve chamar atenção: havia dinheiro, havia conhecimento destes produtos, havia uma estratificação social tão profunda quanto a que hoje estamos submetidos, onde frutas glaceadas, chocolates e pinheiros com suportes sofisticados são desconhecidos ou mesmo inalcançáveis para a grande maioria da população. Ficavam, como ficam hoje, para a imensa maioria, por detrás das vitrines…

 

Publicado em Blumenauer Zeitung 15 de dezembro de 1883:

Para a iminente
Festa de Natal
Recomendamos ao público nossos recém chegados enfeites, bem como nosso bem sortido estoque de tecidos. Garante-se preços baixos e bom atendimento.
Viúva Knoblauch & Cia

 

Publicado em Blumenauer Zeitung 10 de dezembro de 1898:

Para a festa de Natal
Para a iminente festa de Natal, recomendo ao distinto público pão de mel, pão de gengibre, paralelepípedos (tanto podem ser biscoitos de toda espécie, arredondados em cima, temperados com especiarias diversas, como pode ser bolo e torta cuja cobertura leva “enfeites” cujo arranjo lembra uma rua de paralelepípedos), biscoitos de especiarias, figuras para enfeitar a árvores de Natal. [Faziam biscoitos com formato de figuras natalinas penduradas na árvore de Natal].
Bombons
De diversas variedades e sabores
Walther Baumgarten

 

Publicado em Blumenauer Zeitung 09 de dezembro de 1899:

Para a iminente festa de Natal
Recebi abundante sortimento de:
Literatura juvenil, livros de contos de fadas e de ilustrações, álbuns de poesias e mais quadros II, III, IV, cartilha para o abêcê, livros de canto em três edições, com e sem detalhes dourados, dicionários Michaelis da língua portuguesa, atlas diversos, folhas para impressão Épinal, papel dourado e prateado, bem como amplo sortimento de cartões de congratulações.
Além disso, também faço a ponte para conseguir livros e revistas pelos preços mais acessíveis.
Th. Eggers Livraria

 

NOVIDADE!

Suportes para árvores de Natal
Sobre patas de leão em ferro, prateados ou dourados. Ricos em efeitos e indestrutíveis.

Também pode ser utilizado como pedestal.
Pequeno a 10$000 réis a peça
Grande a 15$000 réis a peça.
Até a maior das árvores fica firme, impossíve
Marcenaria de construção e de móveis
Edm. Hofer r. Seignemartin (???)

Cidade – Blumenau
Novidade

 

Publicado em Blumenauer Zeitung 09 de dezembro de 1899:

Para a festa de Natal que se aproxima, recomendamos:

Amêndoas marzipã, ao modo de Lübeck, nas figuras mais originais e frutas.
Chocolates e bombons.
Novidade: galhos naturais de abeto alemão, castiçais natalinos em diversos tamanhos e lindos formatos.
Spekulatius, paralelepípedos, biscoitos de especiarias, nozes, citronat [essência de limão], uva passa, figos, nozes.
Além dos mais finos Stollen de Dresden, sob encomenda.

Confeitaria Eimer.

 

 

Nas igrejas, ocorriam as celebrações religiosas previstas para a época e festas públicas, alegria das crianças, onde se distribuíam doces e havia apresentações de canto e teatro.

Os clubes e escolas também promoviam programações infantis para comemorar o natal, mas como se pode conferir pelo anúncio abaixo, eram pagas.

 

Domingo, 15 de dezembro dd 1935, às 20 horas

Grande
Apresentação de Natal
Da Escola Salto Weissbach
Programação:
Parte 1 – A peça da Natividade – Presépio
Parte 2 – “Como o anjinho procura sua mãe” – Peça de conto de fadas
Parte 3 – “A estrela de Natal perdida” – Peça de conto de fadas
Participação do coral infantil e do coro misto
Ingressos: 1$500, crianças 500 réis.
A partir das 7 horas um caminhão sairá da alameda das Palmeiras rumo à apresentação. Leva espectadores de todo lugar. se necessário, fará duas viagens.
A Escola do Salto Weissbach convida cordialmente para que compareça um grande número de espectadores.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS