quarta-feira, 8 dezembro 2021
InícioEsporteArbitragem opera o Metropolitano

Arbitragem opera o Metropolitano

Jogo-CriciumaXMetropolitano

Lance do gol de Paulo Baier que determinou a vitória do Criciúma sobre o Metropolitano. No momento do passe, três jogadores do Tigre estavam clamorosamente impedidos. E pela imagem é difícil acreditar que árbitro e assistente não viram. Foto: Reprodução PFC

Olhe bem para a imagem acima. Ela não é muito boa, é uma reprodução da transmissão da TV. Mas olhe outra vez. Enxergou quantos jogadores de amarelo impedidos? Dois? Três? E o Paulo Baier, que fez o gol do jogo nesse lance, está quanto à frente do último jogador de escuro? Um metro e meio? Dois metros?

Agora veja a posição do árbitro Paulo Henrique de Godoy Bezerra e, principalmente, a do assistente Carlos Berkenbrock. Ambos considerados de primeira linha na arbitragem catarinense. Dá para acreditar que eles não viram impedimento nesse lance? Difícil…

Pois é, meus amigos, não há outro termo mais ameno para definir o que aconteceu nesta quarta-feira no Heriberto Hülse. O Metropolitano foi prejudicado escandalosamente em uma partida em que jogou melhor que o Criciúma, mesmo com tantos desfalques. Ainda que nem tão superior assim, ao menos o empate seguraria. A arbitragem foi determinante para o resultado do jogo e no andamento da tabela do quadrangular.

Terminada a operação,digo, partida, dirigentes verdes desabafaram até de maneira áspera. Deram a entender que para muita gente não interessa o Metrô chegar à final, um time emergente e que joga em estádio acanhado. Tal ousadia iria ferir interesses maiores, deram a entender as declarações.

O pior é que, de tradicional chororô de quem perde, as palavras fortes ganham todo sentido diante do que todos (menos o árbitro e o assistente) viram. Não creio que bater na porta da omissa Federação para reclamar vá adiantar alguma coisa. Resta ao time blumenauense assimilar o golpe que para muitos era até previsível, se fechar ainda mais e jogar bola, somente isso, no domingo, quando recebe o mesmo Criciúma no Sesi.

Ah, faltou dizer: este blogueiro SEMPRE prefere acreditar que os erros crassos são ocasionados apenas pela ruindade crônica de toda a arbitragem catarinense. Ainda que às vezes seja difícil acreditar…

Por Rodrigo Braga
Publicado originalmente em blogbragarodrigo.wordpress.com

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS